Seu Jorge receberá R$ 700 mil da Prefeitura para cantar no Ano Novo

Valor supera o cobrado por Lulu Santos no último ano e é mais que o dobro do cachê de Maria Rita, que também se apresentará no Réveillon

Por O Dia

Rio - A Prefeitura do Rio contatou o cantor Seu Jorge para fazer o show da virada na Praia de Copacabana por R$ 700 mil — mais que o triplo do cachê que será pago à cantora Maria Rita pelo mesmo evento (R$ 210 mil). Já o grupo Titãs receberá R$ 430 mil. A informação foi publicada nesta sexta-feira, pelo jornal ‘Folha de S. Paulo’, com base em publicação do Diário Oficial da prefeitura.

Segundo a Riotur, os valores foram acordados tendo como base os preços cobrados pelos próprios artistas. A assessoria de imprensa do prefeito Eduardo Paes informou ainda que Seu Jorge cantará no ápice do espetáculo.

Para cantar no Réveillon de Copacabana%2C Seu Jorge receberá cachê de R%24 700 mil da prefeitura%3B valor supera o cobrado por Lulu Santos no último anoAg. News

A produção da cantora Maria Rita informou que a equipe não se mostrou frustrada pela diferença entre os preços pagos aos artistas e que entende que o cantor Seu Jorge tenha cobrado mais por morar nos Estados Unidos e ter de pagar pelo deslocamento da banda. A produção também informou que o preço da cantora não foi superfaturado e que foi cobrado “o preço do mercado.”

Em 1995, a mesma situação gerou briga de cachês de artistas em um tributo a Tom Jobim, no show da virada, na Praia de Copacabana. Enquanto Caetano Veloso, Chico Buarque, Gilberto Gil, Gal Costa e Milton Nascimento receberam R$ 128 mil, nos valores da época, cada um, Paulinho da Viola recebeu apenas R$ 35 mil. O músico se sentiu menosprezado pela prefeitura e o fato acabou gerando divergências entre o cantor e o grupo.

A festa da prefeitura no Reveillón na Praia de Copacabana no ano passado também gerou polêmica devido ao alto cachê pago com dinheiro público ao show de Stevie Wonder — R$ 7 milhões. Conforme o Informe do DIA noticiou na época, o cantor havia recebido um valor bem menor (R$ 2 milhões), no ano anterior, para para fazer o show do Réveillon de um cassino em Las Vegas.


Contrato com a artista Maria Rita foi feito no dia 6 de novembro e publicado no Diário Oficial no dia 1º de dezembroReprodução Internet


Haverá palcos da virada em dez bairros

A Riotur vai anunciar, nesta quarta-feira, mais atrações para a noite de Réveillon em toda a cidade. Além da Praia de Copacabana, haverá palcos com shows em mais nove bairros: Barra da Tijuca, Parque de Madureira, Penha, Piscinão de Ramos, Ilha do Governador, Sepetiba, Guaratiba, Paquetá e Flamengo. O tema das festas da virada será os 450 anos de fundação da cidade do Rio, comemorados em 2015.

Últimas de Rio De Janeiro