Pacto do Rio quer reunir prefeitura e Câmara Municipal para aumentar integração

Cerca de 60 organizações se mostraram dispostas a aderir ao projeto

Por O Dia

Rio - Com lançamento marcado para o dia 17, o Pacto do Rio quer reunir prefeitura, Câmara Municipal, entidades privadas, organizações não governamentais, universidades e representantes da população. Presidenta do Instituto Municipal Pereira Passos (IPP), Eduarda La Rocque diz que o pacto pretende aumentar a integração da cidade.

Para isso, quer formar uma rede capaz de promover e monitorar o seu desenvolvimento sustentável. Cerca de 60 organizações se mostraram dispostas a aderir ao projeto.

Informações

Uma das propostas ligadas à criação do pacto é o aprofundamento de informações relacionadas à cidade capazes de gerar novas ações de governo.

Favelas

Responsável pelo Armazém de Dados (que concentra estatísticas, mapas e pesquisas sobre o Rio), o IPP cuida também do projeto Rio+Social, que reúne atividades da prefeitura em favelas com UPPs.

Briga na blitz

Um PM que trabalhava em blitz da Lei Seca e um motorista que se recusou a soprar o bafômetro trocaram socos na madrugada de domingo na Rua Tirol, em Jacarepaguá. Os dois foram parar na delegacia.

Derrota

Garotinho e seu filho Wladimir receberam multas do TRE. Durante a Copa e antes do início da campanha eleitoral, o jovem divulgou, no Facebook, foto em que vestia uma camisa da Seleção com o nome do pai e o número do seu partido, 22. Os dois recorreram.

Pressão

Entidades como a Abav-RJ (agentes de viagens), Bito (turismo receptivo) e a ABIH (hotéis) enviaram mensagens a Pezão pedindo a permanência de Claudio Magnavita na Secretaria de Turismo.

Últimas de Rio De Janeiro