Morre guarda municipal atingido com pedrada na cabeça

Agente estava na sede da prefeitura e foi agredido por homem que tentava invadir o local no último dia 7

Por O Dia

Rio - Após uma semana em coma, o guarda municipal Djalma Rodrigues de Almeida, de 50 anos, morreu neste domingo. O agente foi atingido por uma pedra na cabeça no último dia 7 de dezembro, quando impedia um homem de invadir o prédio da prefeitura, na Cidade Nova. 

Por meio de nota, a Guarda Municipal do Rio de Janeiro (GM-Rio) confirmou o óbito do guarda municipal. O órgão lamentou o ocorrido e disse que "está prestando toda a assistência necessária à família do agente".

O caso está sendo investigado pela 6ª DP (Cidade Nova) como homicídio. A Guarda Municipal informou que está colaborando com as investigações da Polícia Civil. Djalma foi enterrado nesta segunda-feira, no cemitério de Campo Grande, na Zona Oeste.

Últimas de Rio De Janeiro