Prefeitura divulga esquema especial para Réveillon de Copacabana

Bairro será totalmente interditado às 22h do dia 31, além disso, três delegacias funcionarão como Central de Flagrantes

Por O Dia

Rio - Quem vai curtir o Réveillon dos 450 anos do Rio em Copacabana ou mora no bairro deve ficar atento a mudanças no trânsito e proibição do estacionamento em diversas ruas, que já começam a partir de terça. As interdições de algumas vias da região serão iniciadas às 7h de quarta. A circulação de carros será totalmente proibida a partir das 18h, com liberação às 5h do dia 1º de janeiro. Ônibus, táxis e veículos com autorização de trânsito livre só entram no bairro até as 22h. A expectativa é que 2 milhões de pessoas participem da virada, que terá três palcos (Copacabana Palace, Santa Clara e Leme). O esquema foi divulgado nesta sexta-feira pela prefeitura.

As primeiras interdições, às 7h do dia 31, serão na pista da Atlântica junto à orla. Às 15h, as duas pistas da via serão totalmente fechadas ao tráfego e, às 18h, serão colocados os bloqueios para carros nos acessos por Ipanema, Corte do Cantagalo, Túnel Velho e Enseada de Botafogo. A partir das 22h, os coletivos terão como ponto final os três terminais montados fora da área de bloqueio, e os passageiros terão de caminhar cerca de dois quilômetros até a orla. A Avenida Atlântica só será totalmente liberada às 19h do dia 1º, quando termina o esquema especial do Réveillon.

LEIA: Confira detalhes do esquema dos ônibus para a virada de Copacabana

Expectativa é que 2 milhões de pessoas participem da festa de Réveillon de Copacabana e assistam à tradicional queima de fogos André Mourão / Agência O Dia

“A gente espera a mesma quantidade de público do ano passado se o tempo estiver bom. É fundamental que as pessoas cheguem cedo para se acomodar com calma. Teremos belíssimas atrações até as 4h para que todos também saiam com tranquilidade da praia”, declarou o secretário de Turismo, Antônio Pedro Figueira de Mello, em coletiva no Centro de Operações Rio.

Interdições também serão feitas em bairros vizinhos, como na orla de Ipanema e Leblon, fechada a partir das 18h de quarta. A pista junto aos prédios terá a mão invertida, como ocorre aos domingos e feriados para a instalação da área de lazer. As pistas do Aterro do Flamengo fecharão a partir das 20h do dia 31.

Virada em Copa: Metrô vende bilhetes em cinco estações

Supervia oferecerá trens extras na madrugada do Réveillon

Festa em Copa terá atrações para todos os gostos

Ônibus de turismo também não poderão estacionar em Copacabana nem nos bairros do entorno. Haverá um estacionamento próprio no Teleporto. Os moradores do bairro que deixam seus carros na rua devem prestar atenção às sinalizações das proibições de estacionamento que começam, em algumas vias, como Barata Ribeiro, Avenida N. S. de Copacabana, Rainha Elizabeth (trecho entre Atlântica e Tereza Aragão), Raul Pompeia e Prudente de Moraes, às 6h do dia 30 até as 21h do dia 2. Segundo o secretário de Transportes, Leonardo Picciani, serão retiradas mais de duas mil vagas durante a festa e 85 reboques estarão prontos para entrar em ação, levando os veículos rebocados para ao depósito da Rua Benedito Hipólito, no Centro. A partir das 18h do dia 30, estará proibido o estacionamento em ruas como Gustavo Sampaio, no Leme, e Bulhões de Carvalho. A partir das 23h, a proibição será ampliada.

Metrô já vendeu 35% dos ingressos para a festa

?Quem pretende ir de metrô à festa, já que são três estações espalhadas por Copacabana, deve se apressar. As vendas online já acabaram, e os bilhetes especiais de Réveillon agora só podem ser adquiridos nas estações da Pavuna, Central, Carioca, Largo do Machado e Saens Peña. Os preços são R$ 7 (ida e volta) e R$ 3,50 (só ida ou só a volta). Já foram vendidos 35% dos bilhetes disponíveis.

A partir das 19h do dia 31, somente usuários com os cartões especiais poderão embarcar no sistema, na faixa de horário condizente com a do cartão adquirido (são cinco faixas para a ida, entre 19h e 0h).

A faixa de horário mais procurada é a das 21h às 22h, seguida por 20h a 21h. Foram disponibilizados 143 mil cartões, sendo 104 mil para ida e volta, 26 mil somente para ida e 13 mil só de volta, que acontece sem horário fixo, entre 0h e 5h.

Balsas de onde serão detonados os fogos no tradicional Réveillon de Copacabana começaram a ser montadas na Ilha do Governador nesta sexta-feiraCarlos Eduardo Cardoso / Agência O Dia

Terminais de ônibus

?Para deixar a festa de ônibus, o público que for embora antes das 5h, quando voltam a circular veículos pelo bairro, também terá de ir a pé até as áreas de embarque, que serão separados por destinos dos usuários.

Na Enseada de Botafogo, estarão os coletivos destinados aos bairros do Centro, Grande Tijuca e Zona Norte. Na Lagoa, haverá ônibus para Zona Norte e Centro também. Em Ipanema, na Avenida Vieira Souto, será o terminal improvisado para as linhas que fazem a ligação com a Barra da Tijuca, Jacarepaguá e outros pontos da Zona Oeste.

“Pela nossa experiência, o maior movimento de saída a pé da praia deve ser registrado em direção a Botafogo. Acredito que cerca de 500 mil pessoas irão caminhar até essa direção”, explicou o diretor de Operações da CET-Rio, Joaquim Diniz.

O ponto de ônibus montado, no ano passado, na Rua Real Grandeza, em Botafogo, não será repetido por causa da baixa procura.

Para garantir a fluidez do tráfego, haverá 124 câmeras da prefeitura monitoradas pelo Centro de Operações e mais 16 do evento em pontos estratégicos de fiscalização. Serão ainda 1.825 agentes da Secretaria de Ordem Pública e Guarda Municipal atuando nas ruas da região.

A Operação Lixo Zero da prefeitura só será realizada em Copacabana até as 17h do dia 31. Segundo a Comlurb, após esse horário só será feita a orientação ao público para evitar tumultos. A multa para quem joga lixo nas vias públicas é de R$ 170.

Previsão de tempo bom no Ano Novo

?Cariocas e turistas que pretendem passar o Réveillon no Rio devem encontrar tempo bom na virada. Segundo a previsão do Instituto Climatempo, o dia 31 será ensolarado e quente. Apesar da possibilidade de pancadas de chuva no fim da tarde e no início da noite, os meteorologistas preveem que elas sejam passageiras, se ocorrerem. A temperatura máxima no Rio deverá ser de 36 graus e a mínima, de 22 graus.

O primeiro dia de 2015 também deve ser de sol forte e, segundo o Climatempo, não há previsão de chuva.
Para hoje e amanhã, não há nem previsão de pancadas de chuva e a temperatura continua a subir. A máxima para hoje deve ser de 38 graus e, amanhã, a previsão é de que chegue aos 40 graus.

De acordo com o Climatempo, a frente fria que chega ao Sudeste na segunda se afastará até o dia 31, na altura do litoral do Rio de Janeiro. Por ser fraca, esta frente não consegue esfriar a região.

A segunda-feira deve continuar com forte calor e máximas de 40 graus, mas com previsão de pancadas de chuva à tarde e à noite. Para terça, a previsão é de máxima de 35 graus, também com pancadas de chuva.

Pulseiras de identificação

?Para garantir a segurança das crianças e evitar que se percam dos pais, a prefeitura espalhou oito pontos pela orla onde serão distribuídas pulseiras de identificação. Já para quem passar do ponto na bebida, se sentir mal ou tiver algum ferimento, ao todo serão cinco postos de saúde em Copacabana, com 94 médicos e 50 ambulâncias — dez com equipamentos de UTI para remoções. Os postos estão localizados na altura da Avenida Princesa Isabel, Praça do Lido e das ruas República do Peru, Santa Clara e Xavier da Silveira.

Este ano, a Polícia Civil também reforçará sua atuação. Ao todo, três delegacias do bairro vão funcionar na noite da virada.

Como nos anos anteriores, a 12ª (Hilário de Gouveia) e a 13ª (Av. N. Sra. Copacabana) receberão as ocorrências. As distritais vão contar com setores específicos de achados e perdidos para evitar o tumulto na tentativa de achar documentos como ocorreu no Réveillon anterior.

A Delegacia Especial de Atendimento às Pessoas da Terceira Idade, na Rua Figueiredo de Magalhães, estará aberta. A unidade especializada vai funcionar normalmente, mas concentrará ocorrências com menores infratores. A Guarda Municipal terá, no dia da virada, 1.825 agentes trabalhando em dois turnos.

Últimas de Rio De Janeiro