Medo e assalto nas ruas tomam forma na internet

Moradores de Vaz Lobo, na Zona Norte da cidade, usam redes sociais para reunir informações sobre crimes e suspeitos no bairro

Por O Dia

Rio - Indignados com a onda de assaltos que ronda o bairro de Vaz Lobo, na Zona Norte, moradores criaram uma página no Facebook para reunir ocorrências e identificar criminosos. A ‘Assaltos em Vaz Lobo’ funciona como um diário, onde as pessoas enviam relatos sobre os roubos, com as características físicas do bandido, e alertam para as ruas mais perigosas. Nos últimos três meses, aumentou em 30% os roubos a pedestres e veículos na região, em relação ao mesmo período de 2014, segundo o Instituto de Segurança Pública. A PM afirmou que promove patrulhamento ostensivo no local.

Flagra de um assalto%2C feito por um morador%2C na Rua Anajás%2C em Vaz LoboDivulgação

O desespero dos moradores é tanto que, há duas semanas, uma faixa foi exposta em plena Avenida Vicente de Carvalho pedindo mais segurança.

PONTOS ESTRATÉGICOS

“O bairro não tem mais ruas tranquilas. É assalto de manhã, tarde e noite”, desabafou uma moradora, que preferiu não se identificar. Em dezembro, ela foi roubada duas vezes. “Um motociclista me rendeu na porta de casa. Levou meu carro e documentos. O mais triste é que as autoridades não tomam uma providência. Viatura da PM aqui é raro”.

Em nota, o comando do 9º BPM (Rocha Miranda), responsável pela segurança no bairro, informou que o patrulhamento conta com rádio patrulhas e uma cabine, além de baseamentos de viaturas em pontos estratégicos. Somente em novembro passado, a região de Vaz Lobo e Madureira registrou 290 ocorrências de roubo, segundo o ISP. No mesmo mês de 2013, o índice era de 197 registros. Roubos a pedestres saltaram de 105 para 159, no mesmo período.

Além dos assaltos, os tiroteios também são frequentes e assustam moradores. A redondeza do bairro é composta pelas comunidades do Cajueiro e Juramento, dominadas pelo tráfico de drogas, onde há confrontos quase diariamente.


Informações em tempo real

A página ‘Assaltos em Vaz Lobo’ funciona como uma prestação de serviço para os moradores do bairro. Diante das dezenas de relatos que chegam sobre crimes, é possível identificar até a forma de abordagem dos bandidos no dia. Em um post do dia 29 de dezembro, o moderador avisa que ‘o carro da vez dos bandidos que estão assaltando na região hoje são: HB 20 preto e New Civic Prata’.

Em outra mensagem, é divulgada a foto de um suposto ladrão numa moto que atuaria na região. Numa outra fotografia, flagrada por um morador no dia 11 de dezembro, é possível ver dois homens armados na esquina da Rua Anajás. Até o perfil da rede social de um jovem, que também teria praticado assaltos, foi divulgado. Na página, ele aparece posando com dezenas de notas de R$ 50 e roupas de marca famosa. Entre os vídeos, há um registro de roubo na Rua Alice de Freitas, onde um homem salta de um carro e rouba a bolsa de uma pedestre.

Últimas de Rio De Janeiro