Por paulo.gomes

Rio - Com temperatura que chegou a 36 graus na Zona Sul — e sensação térmica de 44 graus —, as praias ficaram lotadas nesta terça-feira. O clima, literalmente, esquentou mais ainda ao meio-dia, em Ipanema. No Posto 9, cerca de 30 mulheres fizeram um ‘toplessaço’, deixando os seios à mostra. O ato, segundo a organização, foi “pela liberdade do corpo e pelo fim dos estereótipos de beleza”. Com o cinturão de segurança criado pela PM, com 740 homens, poucos incidentes foram registrados, ao contrário do Corpo de Bombeiros, que teve trabalho para salvar dezenas de pessoas de afogamentos.

Cerca de 30 mulheres participaram na manhã desta terça-feira%2C feriado de São Sebastião%2C de um toplessaço na Praia de IpanemaBruno de Lima / Agência O Dia

Entre as participantes do protesto, Renata Frisson, a Mulher Melão, foi a primeira a tirar a parte de cima do biquíni, arrancando suspiros, turbinando o movimento e atraindo muitos curiosos. Inclusive policiais militares de plantão, que, eufóricos, acabaram se rendendo aos encantos das participantes. Empolgado, um deles, de pistola e cassetete na cintura, filmou com o celular as moças seminuas e depois mostrou as imagens que captou para colegas de farda.

GALERIA: Musas fazem topless na Praia de Ipanema

“Apesar de alguns ‘assanhadinhos’, nossa intenção, de transformar o topless em algo natural no Rio, como foi nos anos 50, quando as mulheres ficavam de bruços nas praias, começou a ser alcançada”, afirmou a jornalista e organizadora do ato, Ana Paula Nogueira. Desde o ano passado, os adeptos do topless tentam obter uma área restrita para a prática junto à prefeitura. O governo municipal estuda o assunto.

Em Ipanema%2C PM que fazia patrulhamento passou a maior parte do ato filmando com celular as moças seminuasFrancisco Edson Alves / Agência O Dia

Ana Paula aproveitou para apresentar as novas musas do Toplessaço 2015, eleitas entre 50 concorrentes: a cadeirante Natache Iamaya, 32, escolhida por uma comissão de dez jurados, e a bailarina Karla Klemente, 31, por votação na Internet. “Minha intenção é aproveitar também a mídia para chamar a atenção da sociedade para o preconceito e a falta de acessibilidade para deficientes físicos na cidade. Ainda enfrentamos muitos problemas”, afirmou Natache, que há sete anos sofre de uma doença degenerativa, que a obriga a se locomover em cadeira de rodas.

A maioria dos banhistas entrevistados apoiou a manifestação. “Tira, tira, tira!”, gritaram, em coro, alguns jovens para algumas mulheres que demonstraram timidez no começo, mas acabaram cedendo aos apelos. Alguns homens também integraram o grupo de mulheres. “É importante nós, do sexo masculino, apoiarmos essa causa. Devemos estar mais a favor das lutas delas, participando com elas e não apenas criticando tudo”, justificou o produtor de uma agência de modelos, Leandro Cederboom, 26.

Depois%2C ainda encantado%2C mostrou as imagens aos colegasFrancisco Edson Alves / Agência O Dia

Trabalho redobrado para o GMar

Soldados do Corpo de Bombeiros resgataram diversas pessoas nesta terça-feira no mar ao longo da orla na Zona Sul e Oeste. Até a noite, a assessoria de imprensa da corporação ainda não havia divulgado quantas vítimas de afogamentos foram salvas e se houve algum óbito. Segundo balanço da própria assessoria, entretanto, 332 pessoas foram resgatadas por militares do GMar de Botafogo e Copacabana durante os fins de semana deste mês, uma média de 55 por dia.

Nesta terça o mar estava mais agitado que os dias anteriores. Placas indicando perigo foram afixadas em diversos pontos, mas muitos banhistas se arriscaram. Só entre as praias do Arpoador e de Copacabana, em pouco mais de duas horas, oito pessoas foram retiradas da água por helicóptero.

No Arpoador%2C helicóptero dos bombeiros salvou várias pessoasBruno de Lima / Agência O Dia

“Um deles, um senhor de pouco mais de 50 anos, estava muito bêbado. Não morreu graças à ação rápida dos resgatistas”, testemunhou a vendedora de biscoitos Julymar Ferreira, 38, que trabalhava no Arpoador por volta de 13h30. Nesta quarta-feira o mar deve continuar agitado e a temperatura, alta, alcançando 35 graus. Conforme o Climatempo, deverá haver aumento de nuvens ainda pela manhã, com probabilidade de pancadas de chuva à tarde e à noite.

Operação detém 18 suspeitos

Até o início da noite, 18 pessoas acusadas de cometer pequenos roubos e furtos tinham sido detidas pela PM e conduzidas às delegacias da Zona Sul. Alguns foram interceptados dentro de ônibus, durante revistas pessoais, como ocorreu na Rua Raul Pompeia, em Copacabana. Os assaltantes estariam adotando outras rotas de acesso às praias para tentar fugir das blitzes. Nos três dias anteriores, 150 suspeitos também já tinham sido encaminhados a DPs.

PMs abordaram ônibus em Copacabana%2C nesta terça%2C durante todo o diaBruno de Lima / Agência O Dia

A chamada Operação Verão, que conta com 740 PMs nos fins de semana e feriados, se estenderá até o final da estação, segundo o comandante do 1° Comando de Policiamento de Área (CPA), coronel Luiz Henrique Pires. No Arpoador, foram instaladas duas torres de observação. Trinta agentes do Batalhão de Policiamento em Grandes Eventos (BPGE) passaram a reforçar a segurança, com apoio de um caminhão da Base de Comando Móvel com supercâmeras.

Você pode gostar