Casal entra em favela rival após roubar carro e é salvo pela polícia

Dupla foi espancada por traficantes do Morro da Serrinha. PMs conseguiram resgatá-los de dentro de porta-malas de carro

Por O Dia

Rio - Um casal acusado de roubar um carro foi salvo da morte por policiais do 9º BPM (Rocha Miranda), terça-feira à noite. Segundo as investigações, a dupla fez o assalto antes de ser capturada por traficantes do Morro da Serrinha, em Madureira. Eles foram torturados e trancados no porta-malas do mesmo veículo roubado.

Os militares informaram que Jackson Borges Dias, de 33 anos, e Jaqueline Santos Montenegro, 27, possivelmente seriam executados. A dupla, de acordo com a polícia, roubou um Chevrolet Ônix preto de três jovens, em Campinho, na Zona Norte, usando uma réplica de metralhadora.

Policiais do 9ºBPM (Rocha Miranda) apreenderam a réplica de um fuzil utilizado por um casal para roubar um carro em Madureira%2C na Zona NorteDivulgação

Após o crime, o casal seguiu em direção a Vaz Lobo. Por engano, no entanto, o motorista acabou acessando o Morro da Serrinha. Por terem sido reconhecidos como moradores de uma comunidade rival, foram espancados pelos bandidos daquela localidade.

O casal sequestrado acabou salvo pela polícia, que rastreava o veículo roubado. Os PMs trocaram tiros com os criminosos e libertaram o casal. Ninguém foi preso.

Jackson e Jaqueline foram medicados no Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes, e depois levados para a 29ª DP (Madureira), onde prestaram depoimento e ficaram presos.

Últimas de Rio De Janeiro