Artistas se despedem de Maria Della Costa em velório no Theatro Municipal

Um dos maiores nomes do teatro brasileiro, a atriz teve edema pulmonar agudo e morreu neste sábado

Por O Dia

Rio - Artistas e familiares participaram, neste domingo, do velório da atriz Maria Della Costa - que morreu neste sábado, aos 89 anos - no Theatro Municipal do Rio, na Cinelândia. Considerada um dos maiores nomes do teatro brasileiro, a intérprete estava internada no Hospital Samaritano, em Botafogo, Zona Sul do Rio, e sofreu edema pulmonar agudo. 

Corpo da atriz Maria Della Costa é velado no Theatro Municipal

Amigo da atriz, Ney Latorraca fez questão de velar o corpo da 'dama do teatro brasileiro': "Eu cheguei a falar com ela na semana passada para saber como ela estava. A Maria foi uma atriz muito importante para o teatro, e viajava o mundo de navio levando o repertório dos autores brasileiros", contou o ator, que não poupou elogios: "Ela era uma gaúcha poderosa e linda, sem estrelismo".

Artistas%2C entre eles Nathalia Timberg e Ney Latorraca velam o corpo da atriz Maria Della Costa no Theatro Municipal do RioCarlos Moraes / Agência O Dia

Consternada com a perda da atriz, Nathalia Timberg classificou Maria Della Costa como uma "operária do teatro": "Ela foi uma operária abençoada do teatro. Sempre trabalhou com força, dignidade e sucesso. Eu acompanhei a trajetória dela como companheira de teatro", disse Nathalia, que considerou marcante o tempo que conviveu com ela: "É um ser que era tão bonito por dentro como por fora. O pouco que nós tivemos próximas deixou um lastro bem marcante na minha alma". 

Maria Della Costa não era conhecida apenas pela sua atuação. Seu nome é forte dentro do teatro: em 1948, ao lado do marido Sandro Polloni, fundou o Teatro Popular de Arte, no Rio. Esta foi a origem da Companhia Maria Della Costa, em São Paulo, e que acabou se tornando referência do teatro em todo o país. O casal chegou a trazer da Itália Gianni Ratto.

Últimas de Rio De Janeiro