Por paulo.gomes

Rio - Policiais da 36ªDP (Santa Cruz) prenderam na noite de segunda-feira um homem acusado de abusar sexualmente sua enteada. Condenado a 11 anos de prisão, ele foi localizado em sua casa após um mês de investigação. De acordo com a mãe da vítima, ele acariciava de forma estranha a filha desde que a menina tinha apenas 9 anos.

Durante seu depoimento, a esposa do acusado afirmou que não fez a denúncia antes porque era ameaçada de morte pelo marido. Ele não resistiu à prisão e admitiu ter praticado o crime apenas uma vez, durante um estado de embriaguez.

Você pode gostar