Por nicolas.satriano

Rio - Curto e grosso: está pau a pau a contenda entre Fernando, vulgo Anaconda, e Marco, que chamamos carinhosamente de Diabólogo. As indispensáveis enquetes das internets da vida apontam empate técnico mais parelho que o da vitória da Dilma. Os emparedados são jogadores declarados: Marco talvez mais, e Fernando tem uns momentos de samambaísmo, graças à namorada, Aline. A coluna, que é carioca do Méierrr como Fernando, torce para a saída do teólogo, que está mais para o coisa-ruim, de tão frio e malvado.

Você pode gostar