Preso ex-guarda municipal que matou a irmã e o cunhado no Engenho da Rainha

Mauro de Souza Dário foi preso na Rodoviária Novo Rio por PMs do Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (BPTur)

Por O Dia

Rio - O ex-guarda municipal Mauro de Souza Dário, acusado de matar a irmã e o cunhado no último sábado, no bairro do Engenho da Rainha, Zona Norte, foi preso no fim da noite desta quarta-feira, na Rodoviária Novo Rio, na Zona Portuária, por policiais militares do Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (BPTur). Segundo a PM, a suspeita da polícia é de que ele embarcaria para fora da cidade, aproveitando o grande movimento de saída de cariocas no feriado prolongado de Carnaval.

Além da irmã Carmem Lúcia Guimarães e do cunhado José Gil Ferreira Guimarães, Mauro ainda tentou matar a sobrinha de 27 anos. Em depoimento, a filha única do casal contou na ocasião que só não foi morta porque a munição acabou e ela conseguiu se desvencilhar.

Os crimes foram cometidos, segundo a sobrinha, por um desentendimento por uma obra na casa do casal, que teria deixado o imóvel de Mauro sem água. Horas antes, a mãe e o pai dela tinham registrado queixa contra o tio dela na 44ªDP (Inhaúma). O acusado foi levado pelos PMs para a Divisão de Homicídios, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio.

Últimas de Rio De Janeiro