Falso gari é preso acusado de furtos e roubos na Lapa

Manuel de Paula, de 48 anos, usava uniforme da companhia de limpeza do Rio para cometer os crimes

Por O Dia

Manuel de Paula%2C de 48 anos%2C usava um uniforme da Comlurb para praticar assaltos na região da LapaDivulgação

Rio - Agentes da Operação Lapa Presente prenderam no início da madrugada desta quinta-feira Manuel de Paula, de 48 anos, suspeito de realizar vários furtos no bairro da Lapa. Ele cometia os crimes disfarçado de gari da Companhia de Limpeza Urbana do Rio (Comlurb). Contra ele havia um mandado de prisão por roubo e furto.

Manuel foi detido por volta de 0h15, na Avenida Mem de Sá, após os agentes da Lapa Presente receberem uma denúncia de que ele estava realizando roubos e furtos na região. No momento da detenção, o suspeito usava o uniforme completo da Comlurb. Ele, porém, não portava nenhum instrumento de trabalho, como vassoura ou carrinho para armazenamento do lixo recolhido.

Ainda de acordo com os agentes, Manuel justificou que trabalharia apenas mais tarde e ainda que seu crachá de identificação de funcionário da Comlurb estava emprestado. Na 5ªDP (Mem de Sá), onde a ocorrência registrada, foi verificado que ele não faz parte dos quadros da empresa de limpeza urbana.

Também foi verificado na delegacia que o acusado tinha sete passagens pela polícia pelos crimes de roubo e furto. Manuel ainda deu nomes falsos na delegacia. A polícia agora tenta identificar outras supostas vítimas do falso gari.

Últimas de Rio De Janeiro