Nível de água em reservatórios do Paraíba do Sul aumenta

Apenas o menor reservatório permanece no volume morto

Por O Dia

Rio - O nível de água nos reservatórios do Rio Paraíba do Sul subiu. Segundo a Agência Nacional de Águas (ANA) divulgou nesta sexta-feira, o nível da principal represa que alimenta o sistema, Paraibuna, passou de 2,01% para 2,09%.

Verba de R$ 13,5 mi é liberada para melhoria de captação de água no Rio e SP

Represa de Paraibuna%2C na Bacia do Paraíba do Sul%2C em São PauloFolhaPress

Os outros reservatórios que compõem o sistema também registraram aumento. Funil, no Sul Fluminense subiu de 27,68% para 29, 86%. O volume de água em Santa Branca passou para 7,59%. O único reservatório que permanece no volume morto é Santa Branca, o menor deles, que estava com -1% e passou para - 0,62%.

Paraibuna é a principal reserva do Rio Paraíba do Sul — que abastece 15 milhões de pessoas no Rio, em São Paulo e Minas Gerais.

Maior reservatório que abastece o Rio sai do volume morto

Quase R$1 bi em obras

No início deste mês, o secretário estadual do Ambiente, André Corrêa, declarou que o governo vai investir R$ 930 milhões em obras emergenciais e estruturantes, que serão realizadas até 2018. “Os R$ 360 milhões solicitados ao governo federal ajudarão a aliviar uma boa parte dos investimentos”, comentou.

Uma das intervenções previstas, além de mudanças de pontos de capacitações de água em alguns municípios, como Barra do Piraí, será na bacia do Rio Guapiaçu — onde já existem obras de controles de enchentes que afetam o Norte e Noroeste. O estado também quer a participação de empresas que captam água no sistema Guandu, como a construção de uma adutora de 14 km e de um dique de pedra, na foz do Guandu, para diminuir a entrada de água do mar.

Últimas de Rio De Janeiro