Todos os táxis do Rio deverão, até o fim do ano, ter impressora nos taxímetros

Equipamento vai ser exigido na vistoria anual de 2015, que será realizada de março a dezembro

Por O Dia

Rio - Até o fim do ano, todos os táxis convencionais do Rio deverão ter impressora nos taxímetros para emitir recibo das corridas. O equipamento vai ser exigido na vistoria anual de 2015, que será realizada de março a dezembro, dependendo da placa do veículo, conforme determina resolução publicada ontem no Diário Oficial do Município.

De acordo com a Secretaria Municipal de Transportes (SMTR), a impressora será cobrada pela primeira vez desde a publicação do código disciplinar do sistema, em 2013. O objetivo da medida, segundo a prefeitura, é garantir mais segurança para a população e melhorar o padrão dos táxis na cidade para a Olimpíada de 2016.

Para realizarem a próxima vistoria, as empresas de táxi e os profissionais autônomos terão de apresentar o certificado de aferição do taxímetro, expedido pelo Instituto de Pesos e Medidas (Ipem-RJ). O documento deverá constar o número de série da impressora para todos os veículos.

Ainda segundo a SMTR, serão regulamentadas em 2016 as regras que determinarão as informações emitidas no recibo, como a identificação do veículo e do motorista, valores da corrida e do quilômetro rodado e o telefone de reclamações da Prefeitura (1746). Também foi divulgado o calendário de vistorias para ônibus e vans.

Últimas de Rio De Janeiro