Por adriano.araujo

Rio - Funcionários dos Correios do Centro de Entrega e Encomendas (CEE) do bairro da Penha, na Zona Norte da cidade, realizam nesta sexta-feira uma paralisação por tempo indeterminado. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores na Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos do Rio de Janeiro (Sintect/RJ), apenas 19 dos 63 carteiros do CEE estavam trabalhando 

De acordo com o sindicato, a causa do menor número de funcionários trabalhando são os afastamentos para tratamento médico por conta dos traumas psicológicos sofridos com os constantes assaltos na região. A direção do Sintect/RJ está no local liderando a paralisação e aguarda um posicionamento da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (EBCT). A empresa foi procurada pela reportagem, mas ainda não se posicionou.

Segundo assessoria dos Correios, em reunião com os empregados do CEE Penha, nesta manhã, "representantes da direção dos Correios do Rio de Janeiro informaram que o efetivo da unidade será reforçado e  quanto à adoção de novas medidas de segurança, anunciaram que já estão em andamento providências nesse sentido". Depois do encontro, de acordo com os Correios, os empregados retornaram ao trabalho.

Você pode gostar