Clínicas na Barra da Tijuca são autuadas por estocarem vacinas vencidas

Procon do Rio vistoriou clínicas em todas as regiões da cidade e encontrou regularidades em 13, das 16 visitadas

Por O Dia

Rio - Ao todo 16 clínicas das Zonas Norte, Sul e Oeste do Rio foram vistoriadas por agentes do Procon estadual. Dessas, 13 foram autuadas por diversas irregularidades, como licença sanitária e vacinas fora do prazo de validade.

Nomeada de Operação Anticorpos, equipes do Procon estiveram, durante a ação, na clínica Prevcenter, na Barra, onde encontraram duas vacinas vencidas. Já na clínica Kinder, do Shopping Downtown, no mesmo bairro, havia quatro frascos de vacinas manipuladas, contendo cinco doses cada um, sem especificação do seu prazo de validade.

Vacinas vencidas foram encontradas em clínicas da Barra da TijucaDivulgação

Em quatro clínicas autuadas não havia a informação de que as vacinas oferecidas na unidade são administradas gratuitamente nos postos de saúde públicos. Outras duas clínicas não apresentavam calendário de vacinação em local visível, como é determinado pela Anvisa (Agência Nacional de Vilância Sanitária) e Funasa (Fundação Nacional de Saúde).

O prazo dado pelos fiscais adequação de oito clínicas que não tinham licença sanitária para operar foi de 48 horas São elasl: Vaxx, de Pilares; as filiais da Kinder do Leblon, Shopping Downtown e da Tijuca; as filiais da Vaccini da Barra da Tijuca e do Méier; Neovacinas, de Botafogo; e Prophylaxis, da Tijuca. Se a licença não for apresentada, elas serão interditadas.

Não foram encontradas irregularidades nas seguintes clínicas: as filiais da Vaccini, do Largo do Machado e de Botafogo; e Kinder, de Ipanema. 

Últimas de Rio De Janeiro