Justiça manda Ampla restabelecer energia em Niterói no prazo de 6 horas

De acordo com a decisão, em caso de descumprimento, concessionária poderá ser multada em R$ 5 mil

Por O Dia

Rio - A Justiça do Rio obrigou a Ampla a restabelecer a energia elétrica em Niterói, no prazo de seis horas nas áreas urbanas, em casos de interrupção que não tenham ocorrido por culpa do consumidor. Nas áreas rurais, o restabelecimento deve ser no prazo de nove horas. A concessionária terá ainda que apresentar em Juízo o número de equipes de emergência disponível para atender a cidade de Niterói.

Bairros de Niterói ficam 24 horas sem luz e lojistas calculam prejuízos

A decisão foi da 8ª vara cível de Niterói, que concedeu liminar a pedido do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ). Em caso de descumprimento, a empresa poderá ser multada em R$ 5 mil. O MP ajuizou ação civil pública, com pedido liminar, após ter recebido denúncias da população, em razão do colapso do sistema, que deixou diversas residências sem luz por período superior a 20 horas, causando transtornos aos usuários que já vinham arcando com uma tarifa elevada.

O promotor Augusto Lopes, da Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva do Consumidor e Contribuinte do Núcleo Niterói, pede que a população continue informando ao Ministério Público as ocorrências de falta de Luz, com os registros junto à Ampla. As comunicações podem ser feitas pelo sistema da Ouvidoria no site do MPRJ ou por telefone pelo número 127.

Últimas de Rio De Janeiro