Luciano Huck sobre camiseta infantil: 'Me desculpem pelo vacilo'

Apresentador publicou pedido de desculpas por camiseta com a imagem de criança e a frase 'Vem ni mim que eu tô facin'

Por O Dia

Rio - Luciano Huck publicou nesta sexta-feira um novo pedido de desculpas pela "grave falha operacional da marca de camisetas" que leva o nome do apresentador. O anúncio com a imagem de uma criança vestindo peça com a frase "Vem ni mim que eu tô facin" gerou revolta na população e, nesta quinta-feira, o Procon Carioca, órgão da Secretaria municipal de Defesa do Consumidor, notificou o site Use Huck, que fez a comercialização da camiseta.

Avião de Luciano Huck, Angélica e três filhos do casal faz pouco forçado


Também nesta quinta-feira, a procuradora do Ministério Público do Trabalho (MPT-RJ) Sueli Teixeira Bessa, representante da Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho de Crianças e Adolescentes, encaminhou denúncia para que seja feita uma investigação por causa do uso da imagem da criança como propaganda e mensagem inapropriada. Um outro procurador, ainda a ser escolhido, será responsável pelo caso.

Leia mais:

MP vai investigar o caso Huck

Procon notifica site de Luciano Huck por 'prática abusiva' contra criança

MP instaura procedimento para apurar camiseta de Huck

Frase em camiseta infantil da marca de Luciano Huck gera revolta na internet

A imagem da menina de camiseta%2C que era vendida no site Use Huck%2C foi retirada do ar depois de enxurrada de reclamações de internautasArte O Dia

Últimas de Rio De Janeiro