Após PM ser baleado, criminosos atacam novamente UPP na Providência

No sábado, militar que chegava para trabalhar foi atingido no pescoço. Buscas foram feitas, mas ninguém foi preso

Por O Dia

Rio - Bandidos atacaram novamente policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Providência, no Centro do Rio. Os policiais estavam em serviço, na altura do Beco da Bica, na comunidade, quando bandidos disparam, no início da manhã desta segunda-feira. Os policiais revidaram, porém mais uma vez os criminosos conseguiram fugir.

Leia: Região Metropolitana tem três mortes de policiais militares no fim de semana

Buscas foram realizadas na comunidade, mas ninguém foi localizado, até o momento. De acordo com a coordenadoria das UPPs, não há informação de feridos.

No sábado, bandidos também atacaram a UPP da Providência. Um policial militar, identificado apenas como Elias, que estava chegando à unidade para trabalhar, foi baleado, nas proximidades da Praça Américo Brum. Estilhaços da bala atingiram superficialmente o policial no pescoço.

Ele foi encaminhado ao Hospital Municipal Souza Aguiar, onde foi medicado. Seu estado de saúde era estável no sábado e ele não corria risco de vida. O grupo de bandidos que atacou a patrulha da PM no local conseguiu fugir. A polícia disse que realizou buscas pelos bandidos, mas ninguém foi preso.

Últimas de Rio De Janeiro