Secretaria vai desembolsar R$ 500 mil para edição bilíngue de livro de Boni

Diretor de TV escreveu obra com o empresário Ricardo Amaral, que é sócio da empresa responsável pelos trabalhos

Por O Dia

Rio - A Secretaria Municipal de Cultura vai desembolsar R$ 1 milhão para a Rara Empreendimentos editar versões bilíngues de dois livros — cada projeto sairá por R$ 500 mil. Um deles é o ‘Guia Boni e Amaral — O Rio é uma festa’, exemplar escrito pelo empresário Ricardo Amaral e pelo diretor de TV José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni.

Amaral é também sócio da Rara, responsável pelos trabalhos. Em seu registro na Receita Federal, consta que a empresa realiza serviços como organização de festas e produção de eventos esportivos. Edição de livros, não.

Grana gourmet

O ‘Guia Boni e Amaral — O Rio é uma festa’ reúne informações sobre bares e restaurantes. O exemplar bancado pela prefeitura será vendido nas livrarias; a versão em português é encontrada no mercado por R$ 55.

O outro livro

O outro projeto apoiado pela secretaria é o ‘Rio Book’, livro de artes que será distribuído em hotéis. A vereadora Teresa Bergher (PSDB) ficou espantada com o valor dos patrocínios e vai pedir explicações à prefeitura.

Pão de Açúcar salgou

Comprado por R$ 32 milhões para fazer a travessia Rio-Niterói, o catamarã Pão de Açúcar precisou de ajustes um dia após a cerimônia de inauguração: na manhã de quinta-feira, no horário de rush, a embarcação sequer entrou em funcionamento.

Últimas de Rio De Janeiro