Criminosos filmaram estupro coletivo de menina com problemas mentais

Vídeo chegou ao pai da vítima, que procurou a polícia; Jovem sofre de esquizofrenia e está desaparecida

Por O Dia

Rio - A violência sexual contra uma menina que sofre de problemas mentais foi filmada pelos quatro acusados — além de dois menores apontados como envolvidos — de participar do estupro coletivo da vítima. As imagens do crime, ocorrido na comunidade do Quitungo, em Brás de Pina, na Zona Norte, chegaram até o pai da jovem, que procurou a 27ª DP(Vicente de Carvalho) nesta terça-feira. A vítima, que sofre de esquizofrenia e transtorno bipolar, está desaparecida. 

Dos seis envolvidos no crime, três foram presos e um menor apreendido nesta quarta-feira por policiais da 27ª DP (Vicente de Carvalho). De acordo com a polícia, Victor Pereira dos Santos, Widney da Silva Santos, Kelvin Cristóvão de Lima, além de HCL, de 17 anos, foram encontrados no interior da comunidade do Quitungo. Os agentes ainda fazem buscas de Cleiton Moura de Souza, que está foragido, e do menor EGFO. 

Segundo a polícia, logo após a análise da filmagem, os agentes iniciaram a investigação e identificaram todos os envolvidos no abuso sexual. Foi feita representação pela prisão cautelar dos criminosos e pela busca e apreensão dos dois adolescentes-infratores, as quais foram decretadas pelo Plantão Judiciário.

Ainda de acordo com a polícia, os presos prestaram depoimento e confessaram o crime. Eles ainda teriam apontado um homem identificado como Widney como o responsável pela filmagem do abuso sexual.

De acordo com o delegado da 27ª DP, Felipe Curi, diligências estão sendo realizadas em conjunto com a Delegacia de Descoberta de Paradeiros para encontrar a vítima, bem como para prender os outros dois foragidos.

Últimas de Rio De Janeiro