Por tiago.frederico
Publicado 19/03/2015 14:50 | Atualizado 19/03/2015 14:53

Rio - A Ampla foi multada em R$ 1.148.637,76 pelo Procon Estadual, em um processo administrativo aberto após a falha da concessionária no fornecimento de energia durante o Carnaval em Niterói, São Gonçalo e Maricá, na Região Metropolitana. O resultado ainda cabe recurso em segunda instância.

A falha de energia, decorrente de grande tempestade que caiu na região, provocou duas interrupções no sistema Imunana-Laranjal, responsável pela distribuição de água em Paquetá, Niterói, São Gonçalo e Itaboraí.

Leia mais:

Falta de luz suspende CPI da Ampla em São Gonçalo

Conta de luz da Ampla terá aumento médio de 42,19%

Ampla é a pior concessionária da Região Sudeste, aponta estudo

Bairros permaneceram sem luz por até seis dias, provocando graves problemas à população e, de acordo com o órgão, a situação só se normalizou após uma reunião entre representantes da Ampla e do Procon Estadual em que a concessionária se comprometeu em normalizar a distribuição.

O fornecimento de luz, interrompida no dia 15 de fevereiro, só retornou no sábado seguinte, nos bairros de Itaipuaçu, Costa Verde, e Badu, em Niterói; Portão de Rosa, Jardim Catarina, Boaçu e Maria Rosa, em São Gonçalo; e Inoã, em Maricá.

Você pode gostar