Dois novos helicópteros reforçarão o Grupamento Aeromóvel da PM

Primeira das duas aeronaves compradas pelo Governo do Estado será entregue no meio do ano

Por O Dia

Rio - O Grupamento Aeromóvel (GAM) da Polícia Militar ganhará dois novos helicópteros com tecnologia de ponta, que reforçarão a segurança do estado. A primeira das duas aeronaves foi apresentada nesta segunda-feira, durante evento de comemoração dos 13 anos de fundação da unidade militar, realizado na sede do GAM, em Niterói.

Embora já esteja pronta, a primeira aeronave, batizada de Fênix 9, só deverá ser entregue à corporação a partir do segundo semestre deste ano, pois precisa receber instrumentos adicionais. De acordo com o Governo do Estado, a expectativa é de que o GAM receba o segundo helicóptero até o fim de 2015.

Embora esteja pronta%2C a primeira aeronave só deverá ser entregue no segundo semestre deste ano pois precisa receber instrumentos adicionaisDivulgação

As novas aeronaves são do modelo EC 145, têm duas turbinas, visão noturna e capacidade para transportar até 11 pessoas, número superior ao dos outros helicópteros da instituição, que levam até seis passageiros.

Além disso, também podem voar com auxílios de instrumentos e ainda conta com óculos de visão noturna para os passageiros e câmeras que transmitem, em tempo real, as imagens captadas pelos helicópteros.

De acordo com a Secretaria de Segurança, as duas aeronaves foram adquiridas através de um investimento de R$ 60 milhões. Neste valor, estão incluídos o treinamento dos pilotos e a instalação de equipamentos nas aeronaves.

"Esses novos helicópteros representam um salto de qualidade em termos de tecnologia. São máquinas biturbinas e com visão noturna, que serão um reforço importante, especialmente com a aproximação dos Jogos Olímpicos. No primeiro helicóptero, falta apenas a instalação de equipamentos externos de operação, como guincho e câmera de captação de imagens", disse o comandante do GAM, tenente-coronel Miguel Francisco Ramos Junior.

Helicóptero transportar até 11 pessoas%2C número superior ao das outras aeronaves da PM%2C que levam até seis passageirosDivulgação

Treinamento teórico e prático

Inicialmente, oito pilotos do GAM passarão por um treinamento teórico e prático, com cerca de duas semanas de duração, para utilizar os novos helicópteros. No entanto, a intenção é que todos os 35 pilotos da unidade recebam as instruções necessárias para operar as novas máquinas.

O subcomandante operacional do grupamento, tenente-coronel Luiz Sérgio Perlingeiro, destacou as vantagens e tecnologias das novas máquinas que estarão a serviço da instituição.

"Os novos helicópteros serão mais seguros por contarem com duas turbinas.Além disso, vão ter mais capacidade operacional, pois o voo por instrumentos permite o deslocamento em condições de tempo mais difíceis, como nebulosidade e chuva. Por serem mais espaçosas, as novas máquinas serão capazes de transportar de uma só vez um número maior de militares, sem a necessidade, por exemplo, de enviar dois helicópteros para uma mesma operação. Além disso, serão úteis nos atendimentos aeromédicos, já que possuem abertura para passagem de macas e mais espaço para abrigar equipamentos", explicou o militar.

Últimas de Rio De Janeiro