Baleado durante assalto, ex-técnico de Fla e Flu vai para hospital particular

Filho de Marcos Flávio Vasconcellos pede através de uma rede social orações pela recuperação do pai

Por O Dia

Marcos Flávio Vasconcellos%2C de 63 anos%2C foi baleado na nuca durante tentativa de assalto no Méier. Ele já treinou os times de basquete do Flamengo e FluminenseReprodução / Facebook

Rio - O professor de Educação Física da Uerj e ex-técnico de basquete de Flamengo e Fluminense, Marcos Flávio Vasconcellos, de 63 anos, foi transferido do Hospital Municipal Salgado Filho para o Quinta D’Or, em São Cristóvão. Pingo, como é conhecido, foi baleado na nuca, na manhã de terça-feira, durante uma tentativa de assalto no Méier. Seu estado de saúde é desconhecido.

Fabrício Vasconcellos, filho do treinador, utilizou na manhã desta quarta o Facebook para agradecer o apoio dos amigos e pediu orações pela recuperação de Pingo. "Gostaria de agradecer a todos pelo carinho. Vamos continuar rezando".

Marcos Flávio estava no carro ao lado do também professor da Uerj, Edson de A. Ramos, 61 anos, quando, segundo a Polícia Militar, o veículo foi atingido por disparos de quatro criminosos. Edson, que estava ao volante, foi ferido com um tiro de raspão e já deixou o Salgado Filho.

De acordo com informações da subcomandante do 3ºBPM (Méier), major Fabiana Silva, por volta das 5h30 de terça-feira, quatro homens armados em duas motos roubaram o carro de uma mulher na Rua 24 de Maio, no Méier. Durante o roubo, o veículo dos professores, que passava pelo local, começou a ser perseguido pelos bandidos da segunda moto que dava cobertura. Edson Ramos, ao perceber a ação dos bandidos, tentou escapar e na Rua Hermengarda com Rua Lins de Vasconcelos os bandidos fizeram vários disparos que acertaram a lateral do veículo.

Últimas de Rio De Janeiro