Por paloma.savedra
José Maria F. de Souza (pai) e Terezinha Maria de Jesus (mãe)%2C pais do Eduardo de Jesus de 10 anos%2C morto durante tiroteio no Alemão Fabio Gonçalves / Agência O Dia

Rio - A reconstituição da morte do menino Eduardo de Jesus Ferreira, de 10 anos, deve ocorrer até sexta-feira, afirma a Polícia Civil. Morador do Complexo do Alemão, o menino foi baleado na porta de casa, no dia 2 de abril, durante confronto entre o Batalhão de Choque e bandidos da região. 

O enterro da vítima foi no Piauí, de onde a família de Eduardo veio. Os pais da criança, que desembarcam hoje no Rio, chegaram a dizer ainda que não pretendem ficar na mesma casa do Complexo do Alemão.

Nesta terça-feira, três PMs que estavam no confronto prestaram depoimento na Divisão de Homicídios (DH) da capital. A dupla não deu declarações à imprensa. Segundo o advogado dos policiais, Rafael Calheiros, eles não confirmaram de que o tiro que atingiu Eduardo foi disparado por eles.

De acordo com informações da polícia, Eduardo foi atingido por uma bala de "alta energia cinética", o que aumenta a probabilidade de ter sido um tiro de fuzil.

Leia mais:

O triste retorno ao Piauí da família do menino Eduardo

Menino de 10 anos morre durante operação da PM no Alemão


Você pode gostar