Por paulo.gomes
Nilton César Trindade Brito%2C de 41 anos%2C foi preso acusado de realizar diversos assaltos em estações da SuperVia. Ele já tinha mais de dez passagens pela políciaDivulgação

Rio - Um homem acusado de cometer pelo menos sete assaltos dentro de estações da SuperVia foi preso, na noite desta quarta-feira, após investigação da 35ªDP (Campo Grande). Nilton César Trindade Brito, de 41 anos, foi identificado pelos policiais civis após ter baleado um homem, em janeiro, no interior da estação Inhoaíba, na Zona Oeste. Segundo o delegado Hilton Alonso, responsável pela prisão, o acusado pediu o celular da vítima, mas como ela mentiu alegando que não tinha o aparelho, ele se irritou e disparou na perna do homem.

Os investigadores pesquisaram casos semelhantes e descobriram que, em 2006, Nilton havia cometido crimes em trens naquela região. A vítima baleada em janeiro foi chamada a delegacia e através de fotos do Portal de Segurança o reconheceu como sendo o autor do roubo e do tiro que lhe feriu.

Vítimas de outros três roubos no interior de trem que aconteceram na região da 35ªDP também reconheceram Nilton como responsável por outros crimes. Segundo o delegado Hilton Alonso, o criminoso também cometeu roubos na região de outras delegacias. Cinco aconteceram este ano e outros dois em 2014.

"Enviamos as informações para a delegacia de Santa Cruz e ele foi reconhecido por outros três roubos naquela região. Esperamos que outras vítimas venham a delegacia fazer o reconhecimento depois da prisão dele.", disse.

Contra Nilton foi expedido um mandado de prisão por roubo qualificado com emprego de arma. Segundo a polícia, o bandido possui 12 passagens e já havia sido preso em flagrantes três vezes. Uma por roubo no interior de transporte coletivo e outras duas por porte ilegal de arma. Ele foi preso em casa.

Você pode gostar