Quadrilha que fazia arrastão em ônibus na Avenida Brasil é presa

Quatro suspeitos foram presos e cinco menores apreendidos por policiais da UPP Batan

Por O Dia

Rio - Quatro jovens foram presos, e outros cinco menores, apreendidos, acusados de participar de arrastão a passageiros de um ônibus na manhã de ontem, na Avenida Brasil, Zona Oeste do Rio. Uma das vítimas da linha 398 (Tiradentes-Campo Grande), Viação Santa Cruz, chegou a ser colocada para fora do ônibus em movimento e sem parte das roupas. Avisados, policiais militares interceptaram o veículo na altura de Deodoro e detiveram os acusados. Com eles foram encontrados celulares, bonés, tênis e R$ 26 das vítimas. Outros objetos foram lançados para fora do ônibus.

Quatro jovens foram presos e cinco menores apreendidos após assaltarem um ônibus no início da manhã desta terça%2C na Avenida BrasilSeverino Silva / Agência O Dia

Segundo PMs da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Favela do Batan, o grupo vinha, provavelmente, de um baile funk na Cidade Alta, em Cordovil. Os nove, que não estavam armados, entraram no coletivo na altura de Bonsucesso e ficaram na parte traseira do veículo, que tinha mais de 60 pessoas.

“No início, eles estavam quietinhos lá atrás. Mas quando eu passei pela Vila Militar comecei a ouvir os gritos. Alguns passageiros perceberam que eles estavam iniciando o arrastão e deram sinal para descer. Outros não tiveram tempo, sendo que pelo menos dois foram expulsos do carro”, contou o motorista Clodomiro Cavalcante, de 63 anos.

Os criminosos roubaram celulares%2C dinheiro%2C tênis e roupas dos passageiros da linha 398 (Tiradentes - Campo Grande)Severino Silva / Agência O Dia

Na 34ª DP (Bangu), Gustavo Chagas de Miranda, 19, Guioberto Lopes Júnior, 19, Douglas Correa Gonçalves, 18, Patrick Pereira Aguiar, 18, foram autuados em flagrante por roubo, enquanto os menores, por fato análogo a roubo.

Últimas de Rio De Janeiro