Pelas Ruas: Baile na barca

Voltando de Paquetá, caixa de som que tocou 'Sandra Rosa Madalena', de Sidney Magal, fez barca virar um baile no mar

Por O Dia

Rio - Só acontece no Rio. Domingo, na barca de 17h30 que retornava de Paquetá, havia um grupo de ciclistas. Em uma das bicicletas tinha uma caixa de som. E foi só ligar: quando tocou “Sandra Rosa Madalena”, de Sidney Magal, apareceu gente de tudo quanto é canto. Virou um grande baile na barca. Sobre as águas da Baía de Guanabara, uma gente que nunca se viu dançou junta e feliz, até atracarmos no Rio. Não tenho dúvida: o melhor lugar do mundo é aqui.

Lapalê

Neste sábado, na programação do Lapalê, ocupação musical organizada pelo movimento “Cultura Salve Lapa!” na escadaria Selarón, às 14h, com Leo Barata e MC Dom Negrone, MCs, rappers e DJs. “A ideia é reviver os bailes Hip Hop que fazíamos aqui há uns 15 anos, quando o movimento só tinha a rua como palco de suas manifestações”, conta Leo.

Carlos Bracher ao vivo

Dia 6 de maio, Carlos Bracher (foto), expoente internacional da arte brasileira, estará pintando ao vivo retrato de João Cândido Portinari. Um raro momento para conhecer o artista, que está com a exposição “Bracher – Pintura & Permanência” no CCBB. São 86 obras que retratam todas as suas fases.

Todo primeiro domingo do mês, o Bike Anjo está na altura do Museu de Arte Moderna, no AterroDivulgação

Bike Anjo

O pessoal das bicicletas que sem querer promoveu o bailão da barca de Paquetá era a turma do Bike Anjo. Uma rede de pessoas que ensinam gratuitamente quem quer aprender a pedalar. Todo primeiro domingo do mês, eles estão na altura do Museu de Arte Moderna, o MAM, no Aterro do Flamengo (foto). Não precisa nem ter a bike. Quem não puder ir até lá, pode solicitar um anjo em https://bikeanjo.org/, que o que estiver mais perto aparecerá.

Confetes

Domingo estreia o Bonde Babalakina, projeto de celebração das artes negras, no Parque Garota de Ipanema, Arpoador. A partir de 15h, terá oficina de dança afro, com Aline Valentim, responsável pelo evento; bate-papo e oficina de amarrações, com o Varal da Vall; e termina com festa de rua, com o DJ Bieta.

O Bar Semente participa do festival Lapalê com programação gratuita de música e poesia na tarde de amanhã. Zé Paulo Becker, com seu quarteto Semente Choro & Jazz, toca e relança “Levadas Brasileiras para Violão”. A poesia fica por conta de Jacinto Correa e Maria Rezende, que fará recital.

Tours literários amanhã na Lapa, com saídas às 10h e 11h30, ponto de encontro nos Arcos. Organizado pela agência Rios de História, levará os visitantes a monumentos, igrejas e casas em que viveram escritores na Lapa. As inscrições serão por ordem de chegada.

Como em todo último sábado do mês, amanhã tem a tradicional Roda de Samba do Bloco Carnavalesco ReBarbas, na Quadra do Alto Laranjeiras, mais conhecida como Cardosão. A cantora Simone Lial já confirmou presença e deve dar uma canja por lá.

Coluna por Rita Fernandes






Últimas de Rio De Janeiro