Advogado acusado de aplicar golpes com falsa procuração é preso

Segundo a Polícia Civil, Thiago David Fernandes e seu grupo teriam arrecadado cerca de R$ 10 milhões com as fraudes

Por O Dia

Rio - Policiais da 24ªDP (Piedade) prenderam, nesta quarta-feira, o advogado Thiago David Fernandes. Ele é acusado de ser integrante de uma quadrilha que fraudava procurações. Segundo informações da Polícia Civil, Thiago usava documentos falsos para ajuizar ações, cobrando indenizações e recebia as quantias, não repassando para os clientes. O grupo teria ganho cerca de R$ 10 milhões com o golpe.

Segundo a delegada Cristiane Carvalho, os advogados prometiam limpar o nome de seus clientes nos órgãos de proteção ao crédito. Eles tinham acesso a todos os dados e ajuizavam ações com montagens de procurações para fazer acordos extrajudiciais. A quadrilha ficava com todo o dinheiro, sem a vítima desconfiar a existência da ação.

Preso em Piedade, na Zona Norte, Thiago David responde a mais de dez processos e tinha dois mandados de prisão contra ele.

Últimas de Rio De Janeiro