Psol defende revisão de medida que sobe salário de estagiário da Alerj

Para a legenda, há 'evidentes distorções' da remuneração quando comparada com outras categorias profissionais

Por O Dia

Rio - Contrapondo medida que passa para R$ 2.860,41 o salário de estagiários de nível superior da Alerj, e R$ 1906,94 os de nível médio, representantes do Psol do Rio assinaram documento defendendo que o ato seja revisto. Segundo o texto, "o valor do estágio, comparado com o de outras categorias profissionais, tem evidentes distorções, e precisa ser rediscutido".

Além da diferença, a legenda quer critérios técnicos para a contratação de estagiários. Ainda de acordo com a nota, "é inaceitável que uma função que ganha bons salários não tenha critérios claros para sua escolha". O partido denuncia que, geralmente, os trabalhadores são escolhidos por indicação política. A seleção, segundo o partido, deveria ser impessoal e justa.

Alerj desconhece crise e aumenta salário de estagiário para R$ 2,8 mil


Últimas de Rio De Janeiro