Líderes da torcida organizada do Vasco serão ouvidos sobre espancamento

A vítima, Luiz Fernando de Souza Patrocínio, de 38 anos, também prestará depoimento na delegacia, em Mesquita

Por O Dia

Rio - Serão ouvidos, nos próximos dias, na 53ª DP (Mesquita) líderes da torcida organizada do Clube de Regatas Vasco da Gama, a Força Jovem, sobre o espancamento de um homem que vestia uma camisa do Clube de Regatas do Flamengo. A vítima, Luiz Fernando de Souza Patrocínio, de 38 anos, também prestará depoimento na delegacia, nesta quinta-feira. 

O caso, divulgado com exclusividade pelo O DIA nesta quarta-feira, aconteceu na tarde de domingo, no Centro de Mesquita, na Baixada Fluminense. 'Pela quantidade de golpes, não sei como escapei da morte. Fui espancado por covardes”, contou Luiz Fernando, que é instrutor de autoescola e foi agredido por cerca de 40 homens, segundo ele, torcedores do Vasco.

Mesmo desacordado por causa das agressões, o homem contou ao DIA ?que foi atingido, já caído no chão, com socos e pontapés. As imagens estão sendo analisadas por agentes da 53 ª DP e testemunhas também estão sendo ouvidas para tentar indentificar os autores.

Flamenguista é espancado de forma covarde por grupo


Últimas de Rio De Janeiro