Carros são incendiados no Chapadão em represália à ação da Polícia Militar

Carcaças de veículos são vistas nos acessos às comunidades dominadas pelo Comando Vermelho

Por O Dia

Rio - Pelo menos três carros foram queimados, nesta sexta-feira, em represália às operações realizadas pela Polícia Militar no Complexo do Chapadão, na região de Costa Barros e da Pavuna, Zona Norte do Rio. Policiais do 41º BPM (Irajá), com apoio do Batalhão de Ações com Cães (BAC), atuam na comunidade desde o início da manhã.

Carcaças de veículos incendiados nos acessos ao Complexo do ChapadãoWhatsApp O DIA (98762-8248)

Houve troca de tiros durante a chegada dos militares. A ação faz parte do esquema de repressão ao tráfico de drogas naquela região, controlada pela facção criminosa Comando Vermelho (CV), e que, em breve, ganhará uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP). De acordo com o comandante do 41º BPM, tenente coronel Marcos Netto, policiais do 2° Comando de Policiamento de Área também dão suporte à operação. Até o momento, não há registro de prisões, apreensões ou pessoas feridas.

Em nota, a PM informou não ter conhecimento de veículos incendiados, no entanto, foto enviada para o WhatsApp do DIA (98762-8248) mostra carcaças de carros no acesso à favela. "Este carro foi deixado na cancela de Costa Barros. Incendiaram ele e deixaram junto à carcaça de outros carros que foram incendiados durante à semana", disse o leitor que enviou a imagem.


Últimas de Rio De Janeiro