Angolano é preso no Galeão com cocaína atada nas canelas

Homem estava a caminho de Luanda, capital de Angola, e disse que trouxe a droga de São Paulo

Por O Dia

Preso%2C angolano de 36 anos estava com droga escondida em duas caneleiras atadas às pernasDivulgação

Rio - Um angolano de 36 anos foi preso pela Polícia Federal neste domingo, no Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão), com 1,2 quilo de cocaína. O destino da droga, segundo a PF, era Luanda, capital de Angola. Os agentes federais encontraram a droga em duas caneleiras feitas com fita adesivas que estavam presas nas pernas do angolano.

À PF, o homem declarou que trabalha como comerciante e que recebeu a droga em São Paulo.Preso em flagrante, o angolano foi indiciado por tráfico internacional de drogas. A pena pode variar de 5 a 15 anos de reclusão. O homem foi conduzido ao presídio Ary Franco, em Água Santa. 

Últimas de Rio De Janeiro