Por felipe.martins

Rio - A vida é feita de escolhas. O tempo todo precisamos fazer opções entre uma coisa e outra. Às vezes, escolhemos até de forma automática, sem refletir muito, não é verdade? Só que, quando a decisão a ser tomada é muito importante, podendo ter consequências sérias ou afetar várias áreas da nossa vida e até mesmo influenciar no dia a dia de outras pessoas, uma atenção maior precisa ser dada à questão. É nessa hora que costumamos sentir medo. O que decidir? Como decidir?

Estamos tão acostumados a pesar os prós e contras das alternativas que quando deparamos com situações para as quais não percebemos qual é a melhor decisão a ser tomada, nós nos desesperamos. E aí esquecemos de algo fundamental: cremos no Deus vivo, que está sempre conosco, Naquele que nos enviou o seu Espírito Santo, para nos defender e orientar! Deus não está morto e Ele fala sempre conosco, das mais variadas formas, nas situações concretas do dia a dia! Precisamos aprender a ouvi-lo e a entender seus sinais.

Então, o ideal é apresentar a inquietação a Deus e pedir que o Espírito Santo nos ilumine e direcione. E, então, nos tranquilizarmos. “Confia ao Senhor a tua sorte, espera nele, e ele agirá” (Sl 36,5) Manter o sentimento de confiança na providência de Deus é o segredo. Quem já fez a experiência pode atestar que, agindo assim, a solução do problema simplesmente aparece! Seja por uma ideia nova que nos vem à intuição, seja por meio de um bate-papo com familiares ou amigos, por um texto reflexivo que chega às nossas mãos, por uma leitura bíblica que fazemos, por uma música que alcança o nosso coração ou por outro meio qualquer. E nessa hora, apesar do medo que se tenha de decidir, descobre-se o que tem que ser feito. Sabe por quê? Porque Deus está nos respondendo por essa via. Daí a nossa certeza!

O Espírito Santo ajuda a entender o que não entendemos por nós mesmos e a discernir entre o certo e o errado. Precisamos confiar nele! Eu quero fazer essa experiência transformadora. E você? #vamoemfrente!

Padre Omar é o Reitor do Santuário do Cristo Redentor do Corcovado.
Faça perguntas ao Padre Omar pelo e-mail  padreomar@padreomar.com. Acesse também www.padreomar.com e www.facebook.com/padreomarraposo

Você pode gostar