Guarda municipal desaparecido é encontrado morto no Barreto

Dayvson Gonçalves Mendes, de 28 anos, estava desaparecido há quatro dias. Ele foi achado às margens da Av. do Contorno

Por O Dia

Rio - O corpo do guarda municipal Dayvson Gonçalves Mendes, de 28 anos, foi encontrado nesta segunda-feira na Avenida do Contorno, na entrada para o bairro Barreto, em Niterói, na Região Metropolitana. A família o procurada desde a última quinta-feira, quando saiu de casa e não voltou.

De acordo com Miriã, prima de Dayvson, a família registrou o caso na 73ª DP (Neves) depois que descobriu que ele não tinha ido trabalhar na sexta-feira, um dia após ele ter saído da casa da avó com quem morava há dois meses no Barreto.

Familiares do guarda municipal Dayvson Gonçalves Mendes%2C muito abalados%2C estiveram no local onde corpo foi encontradoFabio Gonçalves / Agência O Dia

"Quinta-feira era o dia de folga e  ele saiu a noite. Achamos estranho que na sexta-feira ele não foi trabalhar e o celular só dava caixa-postal", disse muito abalada. Segundo a familiar, o agente da GM era uma pessoa muito reservada. 

O corpo da vítima foi encontrado em um matagal às margens da Avenida do Contorno pelo catador de cobre Hélio Roberto de Resende, 53 anos, que ia para o local para derreter o material. Imediatamente ele acionou a polícia. Junto ao corpo foi encontrada a mochila que ele saiu de casa com a farda da corporação.

Dayvson apresentava sinais de violência e estava sem roupas. Ele também apresentava queimaduras, mas de acordo com o delegado Tiago Dorigo, da Delegacia de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo (DHNISG), as mesmas aparentam ser resultado da exposição ao sol. "Ele estava em estado de decomposição e pode estar morto há pelo menos cinco dias", disse.

A Polícia Militar está no local e a agentes da DHNISG realizaram a perícia.

Últimas de Rio De Janeiro