Mãe de integrante do Imaginasamba é assassinada na Baixada

Vizinho é o principal suspeito da morte de Evandira do Nascimento Firmino, mãe de Japona

Por O Dia

Rio - A Divisão de Homicídios (DH) da Baixada Fluminense investiga a morte de Evandira do Nascimento Firmino, 57 anos, mãe de Japona, integrante do grupo de pagode Imaginasamba. Ela foi assassinada na quarta-feira e o principal suspeito é um vizinho que está foragido. A tragédia aconteceu durante uma discussão entre Sheila Firmino, filha da vítima, e o suspeito, por conta de um trabalho dos funcionários da Light faziam no local, na Barão de Cotegipe, em Belford Roxo.

Evandira do Nascimento Firmino%2C de 57 anos%2C foi morta na quarta-feira%2C em Belford Roxo%2C na Baixada Fluminense. Vizinho foragido é o principal suspeito do crimeReprodução Facebook

"Minha mãe foi conversar com o vizinho pedindo para ele desligar a luz, pois o pessoal da Light estava fazendo um serviço. Ele entrou em casa, tomou banho e voltou armado. Ele disse: 'Sheila, olha o que eu tenho aqui para você'. Ele foi seguro pela minha avó, e acabou atirando nela e atingindo minha mãe no ombro, e depois fugiu", disse a neta da vítima, Joyce Firmino.

Segundo familiares%2C o pagodeiro Japona%2C integrante do grupo Imaginasamba%2C não quer comentar a morte da mãeReprodução Facebook

Sheila foi levada para o Hospital Geral de Nova Iguaçu, onde passou por avaliação e foi liberada. O assessor de imprensa do Imaginasamba afirmou que Japona não vai se pronunciar sobre o crime. Através das redes sociais, parentes e amigos lamentaram a morte de Evandira Firmino e pediram por Justiça. "Que a Justiça seja feita com gente desse tipo. Não existe algo que tire a dor da perca de algum parente, ainda mais da forma que foi feita", escreveu um sobrinho.

O sepultamento de Evandira Firmino acontecerá na tarde desta quinta-feira, no Cemitério de Nova Iguaçu.

Últimas de Rio De Janeiro