Funcionários demitidos do estaleiro Mauá protestam no Centro do Rio

Manifestação contra cerca de duas mil demissões começou em Niterói. Grupo seguiu para a capital fluminense de barca

Por O Dia

Rio - Metalúrgicos demitidos do estaleiro Mauá realizam uma manifestação no Centro do Rio na tarde desta sexta-feira. Cerca de 600 pessoas participam do ato que começou em Niterói, na Região Metropolitana. O grupo se deslocou para a capital fluminense através das barcas da CCR e desembarcou na Praça XV.

Os funcionários protestam contra as demissões em massa que, segundo cálculos do sindicato, chegam a duas mil. O grupo segue em protesto nesta tarde para a sede da Transpetro, empresa subsidiária da Petrobras, na Avenida Presidente Vargas, 328, próximo da Rua Primeiro de Março. De acordo com Polícia Militar, policiais do 5º BPM (Centro) acompanham os manifestantes. Em Niterói, o grupo foi acompanhado por policiais do 12º BPM (Niterói). Eles se concentraram em frente à sede da Prefeitura daquele município. Não foram registradas confusões até o momento. 

Últimas de Rio De Janeiro