Operação combate a pirataria no Mercado Popular da Uruguaiana

Segundo informações da DRCPIM, há indícios de que milicianos estão atuando no camelódromo

Por O Dia

Rio - Agentes da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra a Propriedade Imaterial (DRCPIM) realizam, na manhã desta terça-feira, uma operação de combate à pirataria nas quadras "C" e "D" do Mercado Popular da Uruguaiana. A ação visa cumprir os mandados expedidos pela 5ª vara empresarial da Capital e visa apreender produtos falsificados da empresa de material esportivo "Adidas", que é autora da ação. A a investigação aponta que pelo menos 220 boxes vendem produtos piratas. Além disso, segundo a delegada Valéria Aragão, há indícios de que milicianos atuem no local.

GALERIA: Polícia Civil faz operação contra a pirataria na Uruguaiana

"A pirataria esta movimentando um mercado muito grande da Uruguaiana. Às vezes uma pessoa tem 20 boxes que cobram aluguel de 20 a 30 mil", diz a delegada.

Agentes da Polícia Civil realizaram%2C nesta terça-feira%2C uma operação para cumprir diversos mandados de busca e apreensão no Camelódromo da Uruguaiana%2C no CentroSeverino Silva / Agência O Dia

A presidente da União de Comerciantes da Uruguaiana, Rosalice Rodrigues de Oliveira, afirmou que os comerciantes apoiam a operação da Polícia Civil. No entanto, mas ela diz que a maioria dos trabalhadores atuam de forma legal e os boxes fechados levam prejuízos a eles."Concordo com a operação, mas muitas pessoas são prejudicadas. Muitos comerciantes trabalham de formas lícitas e são prejudicados", afirma Rosalice, negando a existência de milicianos no Camelódromo.

"Não existe isso (milicianos). Aqui não tem segurança, temos um apoio operacional que são 16 pessoas contratados pela própria associação", completa.

Grande parte das apreensões feitas pelos policiais são de brinquedos, eletrônicos, calçados e roupas falsificadas. A previsão é que o camelódromo fique fechado até a próxima sexta-feira.

A pedido da Polícia Civil, de acordo com a concessionária MetrôRio, o acesso da estação Uruguaiana para a Rua Uruguaiana foi fechado, por medida de segurança. Os outros três acessos estão abertos e a estação funciona normalmente.

Últimas de Rio De Janeiro