Policial militar da UPP Santa Marta é agredido pela namorada PM

Caso aconteceu em São Gonçalo e acusada fugiu do local após a vítima ligar para o 190

Por paulo.gomes

Rio - Uma policial militar, lotada na Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Providência, é acusada de agredir seu namorado. A vítima, um PM da UPP Santa Marta, teve que chamar o 190 para escapar das agressões. O caso aconteceu nesta quinta-feira, no bairro Jardim Catarina, em São Gonçalo, Região Metropolitana, durante uma briga do casal.

A Corregedoria da Polícia Militar está investigando o caso de agressão envolvendo um casal de namorados que trabalha na UPP Santa Marta e ProvidênciaErnesto Carriço / Agência O Dia

A agressora deixou o local antes da chegada dos policiais do 7ºBPM (São Gonçalo). O caso foi registrado na 74ªDP (Alcântara). Em nota oficial, a Corregedoria da Polícia Militar afirmou que está apurando o caso e os policiais estão sendo ouvidos.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia