Prefeitura vai dar R$ 100 por mês a aluno de favela

Serão liberados R$ 3,5 milhões para complementar a renda de estudantes matriculados em cursos profissionalizantes

Por O Dia

Rio - Eduardo Paes vai liberar R$ 3,5 milhões para implantar, este ano, programa de complementação de renda voltado para jovens moradores de favelas matriculados em cursos profissionalizantes. Cada beneficiado receberá um cartão que terá crédito mensal de R$ 100 — o dinheiro só poderá ser usado em estabelecimentos de sua própria comunidade.

Secretário de Desenvolvimento Econômico Solidário, Fabiano Horta diz que o programa chegará a 15 mil jovens de cinco áreas da cidade e será chamado de Moeda Social Eletrônica.

Maricá

O cartão é inspirado em experiência adotada pelo PT em Maricá. Em 2016, a despesa com o programa no Rio deverá chegar a R$ 18 milhões.

Tentativa

Na próxima semana, a deputada Clarissa Garotinho (PR) terá uma conversa com Aécio Neves para tentar desenrolar sua ida para o PSDB. Ela, porém, anda desanimada com a ideia por conta da resistência do deputado Otavio Leite, presidente do diretório tucano no estado.

Briga antiga

O Ministério Público Federal foi à Justiça cobrar da CSN cumprimento de acordo de 2008 que previa a construção de sede administrativa e de centro de visitação na Floresta da Cicuta, em Volta Redonda.

Demite e contrata

Economista e professor da UFRJ, Mauro Osorio diz que o setor da construção da naval, que demitiu 11.548 funcionários, também fez contratações — 8.957 a partir de janeiro.

Devo, não nego

A Faperj não nega que deve pagamentos a 24 pessoas que tiveram aprovados projetos relacionados aos 450 anos do Rio. Culpa a queda na receita, mas afirma que começa a quitar as contas na segunda semana de agosto.

Últimas de Rio De Janeiro