Volta às aulas na rede pública do estado

Para aumentar aprendizagem dos alunos em matemática, 1.600 professores participarão de oficinas regionais

Por O Dia

15% dos estudantes estão no nível intermediário em MatemáticaDivulgação

Rio - As aulas retornam na próxima segunda-feira com novidades para os alunos e professores da rede estadual. Com o objetivo de aumentar o índice de aprendizagem em Matemática, a Secretaria de Educação do estado (Seeduc) irá oferecer ao longo do segundo semestre oficinas para 1.600 professores da rede nas sedes regionais da secretaria em Itaperuna, São João de Meriti, Vassouras, Angra dos Reis, Campos de Goytacazes, Petrópolis, Nova Friburgo e no Méier.

“Serão oficinas de um dia, oito horas, com muita prática. Os professores vão trabalhar técnicas para que eles sejam capazes de identificar os estudantes que apresentam baixo aproveitamento e as competências que eles não desenvolveram”, explica a subsecretária de Gestão de Ensino da Seeduc, Patrícia Tinoco.

A subsecretária explica que as oficinas tentam auxiliar os professores a identificar as dificuldades dos alunos, sobretudo os do ensino médio. No primeiro bimestre do ano passado, a avaliação de diagnóstico, o Saerjinho, mediu que 15% dos estudantes estão no nível intermediário de acertos de Matemática. Já no mesmo período este ano, o índice medido foi de 19,6%. “O ideal é que 70% dos nossos alunos estejam no nível adequado. Já evoluímos, mas não tanto quanto a gente espera. Isso demonstra que precisamos dar mais atenção à Matemática”, explica Patrícia. A subsecretária diz que a meta é atingir os 70% até 2019.

A avaliação de Língua Portuguesa é mais alta. No primeiro bimestre de 2015, o percentual no nível intermediário de acertos é 46%, mostrou melhora de 5% em relação a 2014. Houve oficinas no primeiro semestre em Duque de Caxias, São Gonçalo, Nova Iguaçu, Tijuca e Niterói.

Os dados são importantes para se pensar uma melhora no ingresso no ensino superior. O estado tem hoje 800 mil estudantes, dos quais 70% são do ensino médio.

Também retomam as aulas na segunda-feira os 660 mil alunos da rede municipal. A Guarda Municipal do Rio vai reforçar a fiscalização no entorno de escolas, a partir da segunda-feira. A ação faz parte da operação “Volta às Aulas” e contará com 42 guardas municipais atuando exclusivamente na fiscalização do trânsito em pontos onde há intenso movimento de veículos e grande concentração de escolas públicas e particulares.

Os guardas empregados no esquema vão atuar para garantir a fluidez do trânsito, orientando motoristas para evitar obstruções de ruas e congestionamentos por filas duplas no embarque e desembarque de alunos. A operação também visa orientar a travessia segura de alunos e responsáveis e vai acontecer em vias no entorno de 38 escolas do Centro e nas zonas Sul, Norte e Oeste. A guarda fará, ainda, campanha educativa por um trânsito mais seguro.

Últimas de Rio De Janeiro