Por felipe.martins

Rio - A segunda das sete barcas chinesas adquiridas pelo governo do Rio para fazer o transporte de passageiros entre Rio e Niterói entrou em operação nesta segunda-feira. A nova embarcação, que leva até 2 mil passageiros, vai realizar até 16 viagens por dia, nos horários de rush. Batizada de Corcovado, ela é do mesmo modelo da Pão de Açúcar, que começou a operar em março, mas que já apresentou defeitos em dois dias. Até dezembro, duas novas barcas chinesas deverão reforçar a frota.

“É a mais nova geração de barcas para passageiros que nós temos disponível no mundo”, disse o secretário estadual de Transportes, Carlos Osorio, ao inaugurar a nova embarcação, ao lado do governador Luiz Fernando Pezão. A Corcovado também é refrigerada, tem acessibilidade plena e espaço para cadeirantes, além de bicicletários, 18 banheiros, sistema de TV e duas proas. A barca chegou ao Rio no início de julho e passou pelo processo de registro, homologação, vistoria e teste de mar. Depois de cumprir todas as etapas, foi liberada pela Capitania dos Portos para entrar na atual em operação assistida.

Pezão inaugurou o catamarã%2C que vai transportar duas mil pessoasAlexandre Vieira / Agência O Dia

O estado investiu R$ 273 milhões na aquisição de nove novas embarcações. Sete delas, com capacidade para dois mil passageiros, foram fabricadas do estaleiro chinês Afai Southern Shipyard. As outras duas — para 500 pessoas — foram feitas no estaleiro Inace, no Ceará.

Você pode gostar