Ato Nacional pela Educação será palanque para a volta de Lula em 2018

Ex-presidente decidiu que a educação terá, na campanha, a mesma importância que o combate à fome recebeu

Por O Dia

Rio - Organizado pelo PT, o Ato Nacional pela Educação que ocorrerá nesta sexta-feira, em Brasília, servirá como palanque antecipado da candidatura de Lula à Presidência em 2018. A escolha não foi por acaso, o ex-presidente decidiu que a educação terá, na campanha, a mesma importância que o combate à fome recebeu em disputas anteriores.

Lula quer pegar carona na verba para a educação gerada pela exploração do pré-sal: lei de 2013 prevê que 75% dos royalties e 50% do Fundo Social do Pré-Sal sejam destinados ao setor.

Farpa no PSDB

O tema permitirá também uma crítica ao PSDB. Segundo o Ministério da Educação, o projeto do senador tucano José Serra que prevê o fim da obrigatoriedade da participação da Petrobras na exploração do pré-sal diminuiria os recursos para a educação.

Sem confusão

Na conversa nesta quarta-feira com lideranças do PMDB, Lula disse que, se Michel Temer tivesse assumido a coordenação política mais cedo, a tramitação do ajuste fiscal seria mais simples, o que evitaria “essa confusão toda”. Ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante (PT) deve ter ficado com orelhas vermelhas.

Preferido de Aécio

Aécio Neves e Romário conversam muito no Senado. O tucano tem dito que apoiará o ex-craque caso ele dispute a prefeitura.

Namoro

Indio da Costa (PSD) afirma que o partido pode fechar com o PMDB na sucessão de Eduardo Paes. Mas ressalta que a iniciativa do namoro cabe aos peemedebistas.

Pista livre

Em relatório ao Ministério do Esporte, o Exército diz que o terreno de Deodoro destinado ao novo autódromo está totalmente livre de artefatos explosivos. A informação foi repassada ao vereador Carlo Caiado.

Últimas de Rio De Janeiro