Evento-teste dos Jogos Olímpicos não gerou caos esperado

Rio teve 165 quilômetros de vias interditadas neste fim de semana para a realização do evento

Por O Dia

Rio - O Rio entrou em estágio de atenção, mas não aconteceu o caos que se esperava no trânsito da cidade por conta dos 165 quilômetros de vias interditadas neste fim de semana para a realização do Desafio Internacional de Ciclismo de Estrada,evento-teste dos Jogos Olímpicos de 2016, realizado na manhã de ontem. De acordo com o Centro de Operações da Prefeitura, não houve registro de congestionamentos e o metrô funcionou normalmente.

Cem atletas de 20 países participaram neste domingo do Desafio Internacional de Ciclismo de Estrada pedalando por vários bairros do RioDivulgação/ Ricardo Cassiano

O Secretário Municipal de Transporte, Rafael Picciani, avaliou o desempenho da cidade diante de tantas alterações no trânsito. “Tivemos mais um evento bem-sucedido no Rio. Testamos nossas equipes, os voluntários, e tivemos as condições necessárias para o desempenho esportivo dos atletas. Essa prova mostrou que chegaremos a 2016 prontos para realizar uma grande Olimpíada”, diz.

Na contramão do posicionamento oficial da Prefeitura, houve tumulto na manhã de ontem na Barra da Tijuca, na Zona Oeste. O fechamento da Avenida Ayrton Senna, na altura da Alvorada, causou descontentamento por parte dos motoristas. Muitos deles, inclusive, alegaram não saber das interdições.

Devido às alterações no trânsito, que fecharam vias da Zonas Sul e Oeste da cidade, o Rio entrou em estágio de atenção à 0h12 de ontem. O alerta do estágio, que é conhecido pela população por sua aplicação em dias de chuva, é o segundo nível em uma escala de três e significa que um ou mais eventos impactam, no mínimo, uma região, provocando reflexos relevantes na mobilidade. Às 13h50 de ontem, todas as vias da cidade, que foram fechadas por conta do evento-teste, já estavam liberadas para o tráfego.

Na manhã de ontem, cem atletas deram início à prova às 8h30 na Praia de Copacabana, seguiram pela orla até São Conrado, na Zona Sul, passando ainda pela Barra da Tijuca, Recreio dos Bandeirantes e Guaratiba, na Zona Oeste. Ao chegarem à Prainha, os atletas deram duas voltas na Serra de Grumari e voltaram pela orla do Recreio até São Conrado, onde o evento foi encerramento às 12h30.

Últimas de Rio De Janeiro