Polícia tenta localizar pais de criança abandonada em terminal do BRT

Menino de 3 anos foi achado dentro do Terminal Alvorada, na Barra. Primo revela que pais 'não deram sinal de vida'

Por O Dia

Nardyne Dias e Deonir Lima Sales com o filho%3A eles estão desaparecidosReprodução Facebook

Rio - Os pais da criança de 3 anos abandonada na última quinta-feira dentro do Terminal Alvorada do BRT, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste, estão desaparecidos. É o que revela familiares que prestaram depoimento na polícia, que investiga o caso.

Ele, que estava vagando sozinho no terminal, foi abrigado e conduzido pela equipe do Consórcio BRT ao Conselho Tutelar. A Justiça determinou que a criança fique temporariamente com uma família acolhedora.

“Os pais não deram sinal de vida e tudo indica que aconteceu alguma coisa. A única coisa que estava anormal eram os documentos que estavam queimados no canto do quintal. Tinha notebook, tablet e som roubado. Eles eram super tranquilos, eu passava o dia lá. Não tinham inimigos e a família era super unida”, disse Carlos Silva, primo do menino, ao Bom Dia Rio.

Segundo ele, a mulher que aparece nas imagens com a criança não é nem a mãe e nem a avó paterna do menino. “A mãe era magra, de pequena estatura, cabelo curto. O cabelo da mulher é maior. Tenho certeza de que não é ela”, sentenciou. Familiares prestaram depoimento na Cidade da Polícia neste domingo.

Câmeras de monitoramento mostram que a criança havia embarcado mais cedo no Terminal Santa Cruz, acompanhada da mulher. "As imagens serão cedidas à polícia para ajudar a encontrar os responsáveis", disse a empresa que administra o serviço.

Últimas de Rio De Janeiro