CBL busca responsáveis por ataque virtual contra Dilma

Gerente de Relações Internacionais da Câmara postou as mesmas expressões, como #ForaDilma, em seu Facebook

Por O Dia

Rio - Na manhã desta sexta-feira, o Twitter oficial da Câmara Brasileira do Livro (CBL) publicou post com expressões como “#DilmaBandida”, “#ForaLula” e “#RenanTraidor”. Ouvida pelo Informe, a entidade disse que sua conta fora invadida — e apagou o texto. Mas, também ontem, o gerente de Relações Internacionais da Câmara, Luiz Álvaro Salles Aguiar de Menezes, havia postado quase todas as expressões em seu perfil no Facebook.

Na internet, ele se apresenta como coordenador das redes sociais da entidade. Procurada no início da noite, a CBL afirmou que é apartidária e que a postagem no Twitter não reflete suas opiniões. Diz também que está tomando providências administrativas e legais para apurar responsabilidades.

Últimas de Rio De Janeiro