Suspeito de matar e enterrar companheira no quintal de casa é preso

Diego Sacramento Elias foi localizado no trabalho e mostrou aos policiais onde estava o corpo de Camila Monsores Monteiro

Por O Dia

Rio - Um homem suspeito de matar sua própria companheira foi preso na noite de terça-feira, pelos agentes da 35ªDP (Campo Grande). Segundo informações da Polícia Civil, o pedreiro Diego Sacramento Elias, de 25 anos, enterrou o corpo de Camila Monsores Monteiro, 20, no quintal da casa onde moravam, no bairro de Campo Grande, na Zona Oeste.

O corpo de Camila Monsores Monteiro%2C de 20 anos%2C foi encontrado enterrado no quintal de casa%2C em Campo Grande%2C na Zona OesteReprodução Facebook

Na última segunda-feira, os familiares estiveram na delegacia para comunicar o desaparecimento de Camila. As investigações apontam que Diego esganou a vítima até a morte e a enterrou sob uma grossa camada de concreto. O homem foi capturado em seu local de trabalho e apontou onde a vítima estava. Ele construiu uma parede sobre a cova, com o objetivo de ocultar o local onde sepultou a companheira.

Pela rede social, uma amiga de Camila lamentou o crime brutal e falou sobre a filha da vítima: "Como pode, tem que ter muito sangue frio pra isso, meu Deus. Quanta crueldade, onde vamos parar? E sua filha como vai ficar? O que mais me deixa abalada é a criança. Quanta falta ela vai sentir da sua mãe, meu Deus? Que a justiça seja feita", desabafou.

Últimas de Rio De Janeiro