Juiz autoriza entrada de menino de oito anos em show de Caetano Veloso

Garoto é neto do jornalista e escritor Otto de Oliveira Lara Resende e fã do cantor compositor baiano. Organização impede a entrada na casa de shows de menores de 14 anos

Por O Dia

Rio - O menino Otto Lara Resende, de oito anos, chegou à 1ª Vara da Infância, da Juventude e do Idoso, na Cidade Nova, na tarde desta segunda-feira,  sorridente, carinhoso e declarando sua paixão pela música. Após receber um abraço apertado, o juiz Pedro Henrique Alves autorizou que a criança assista ao show dos cantores Caetano Veloso e Gilberto Gil no dia 17 de outubro, às 22h, no Citibank Hall, acompanhado do pai, Bruno Lara Resende.

A organização da casa de espetáculo impede a entrada de jovens abaixo de 14 anos, mesmo acompanhadas dos responsáveis. O pai do menino tentava conseguir a autorização junto ao estabelecimento até que o magistrado tomou conhecimento da história através dos jornais e quis conhecer Otto. “A lei estabelece, em regra, que crianças, de qualquer idade, acompanhadas dos pais ou responsável, podem frequentar eventos. Só há restrição se o espetáculo for impróprio, com cenas de sexo ou nudez. Otto pode ir ao show”, explica o juiz Pedro Henrique Alves.

O menino é neto do jornalista e escritor Otto de Oliveira Lara Resende e fã de Caetano Veloso. Os pais de Otto pediram ao magistrado para que a decisão seja estendida a todas as crianças. “Estamos felizes porque agora ele vai poder curtir as músicas de que tanto gosta”, diz Bruno.

Últimas de Rio De Janeiro