Parentes antecipam Finados para evitar tumultos em cemitérios

Muita gente optou por prestar homenagens aos entes queridos ontem, evitando confusões e aglomerações nos cemitérios hoje

Por O Dia

Rio - Familiares e amigos aproveitaram o domingo para fazer homenagens a seus entes queridos nos cemitérios do Rio, antecipando-se a possíveis confusões e aglomerações do feriado de Finados.

Na tarde de ontem, o Cemitério São Francisco de Paula, no Catumbi, estava cheio de visitantes, a maioria idosos. O aposentado Rodolfo Hugo Moreno, 84 anos,acompanhado do filho Rodrigo Moreno, 40 anos, foi aos túmulos de sua mulher, morta em 2007, e dos sogros. “Venho todos os anos”, afirma Rodolfo. “É a primeira vez que venho no dia 1º. É mais tranquilo”, diz Rodrigo.

Neusa foi ao Cemitério do Catumbi homenagear pais%2C irmãos e tiosMaíra Coelho / Agência O Dia

A aposentada Neusa Maria de Araújo Lopes, 68 anos, também aproveitou a tranquilidade para levar flores para a mãe, pai, três irmãos e dois tios. “É importante homenagear, eles merecem”, diz. Para economizar, ela foi ao Centro de Abastecimento do Estado da Guanabara, Cadeg, comprar flores. “Aqui na porta é muito caro e lá compro flores fresquinhas”, conta Neusa.

Os floristas do Catumbi confirmam a economia de Neusa. “Na véspera, vendi cada flor por R$ 1. Hoje será três por R$ 5”, explica Mara Fernandes, que armou uma banquinha na porta do cemitério.

Hoje, há programações diferenciadas em vários cemitérios da cidade. No Jardim da Saudade, em Paciência,haverá concerto e lançamento de balões. No Caju, o público verá uma exposição sobre o dia dos mortos em várias países e culturas.

SERVIÇO

CEMITÉRIOS E MISSAS

Os horários de missas nos cemitérios da cidade estão disponíveis no portal da Arquidiocese. No São João Batista, Caju, Irajá, Ricardo de Albuquerque e Catumbi, haverá missas de hora em hora, de 8h às 17h. A missa na nave principal da Catedral de São Sebastião será celebrada às 10h, pelo bispo auxiliar emérito Dom Assis Lopes. O arcebispo Dom Orani Tempesta presidirá as celebrações das 8h, no Caju, e às 17h, em Santa Cruz. O São João Batista funcionará das 7h às 17h, o Cemitério do Caju das 6h às 18h e o do Catumbi das 6h às 17h.

EM BUSCA DE FLORES

A média de preço do maço de monsenhor, uma das flores mais procuradas no Dia de Finados, custa cerca de R$ 10. A dúzias de palmas brancas e de rosas ficam entre R$ 25 e R$ 20.

ESQUEMA ESPECIAL
Um esquema especial foi montado para quem quiser visitar o Cemitério São Francisco de Paula, Catumbi. Se a pessoa não lembrar o local do túmulo, basta ir à administração e fazer uma busca nominal, os 114 mil sepultados lá desde sua fundação em 1849 estão cadastrados.

Últimas de Rio De Janeiro