Idoso é preso em São Cristóvão acusado de divulgar o nazismo

Na residência do homem de 67 anos, os agentes encontraram o carro dele com uma suástica

Por O Dia

Rio - Um homem foi preso na manhã desta quinta-feira, em São Cristóvão, acusado de divulgar o nazismo. Carlos Alberto Dester Pereira, de 67 anos, foi autuado num hospital onde se recupera de uma cirurgia cardíaca. De acordo com o delegado Marcus Neves, da 18ªDP (Praça da Bandeira), a prisão aconteceu após uma denúncia da Federação Israelita do Estado do Rio de Janeiro (Fierj).

Adesivos e publicações com alusão ao nazismo e uma arma foram apreendidos pelos policiais na casa do suspeitoDivulgação

O suspeito realizava a divulgação através de redes sociais. Na casa dele, foram apreendidos diversas revistas em alusão ao nazismo, um revólver calibre 38, adesivos com a águia nazista. O carro dele também tinha um adesivo com uma suástica.

O carro do homem de 67 anos%2C preso acusado de divulgar o nazismo%2C tinha adesivo com uma suásticaReprodução / TV Globo

Na residência do suspeito, os agentes também encontraram dez cachorros com sinais de maus tratos. Ele foi autuado pela prática dos crimes de racismo, posse de arma de fogo de calibre permitido e maus tratos a animais. Se for condenado, ele pode pegar oito anos de prisão.

Últimas de Rio De Janeiro